Quais os melhores investimentos para novembro? Confira dicas!

Compreender o contexto do mercado e da economia é fundamental para saber quais os melhores investimentos para novembro. Principalmente, porque a segunda onda de contaminações por covid-19 chegou na Europa e os Estados Unidos registram uma aceleração dos novos casos.

E, claro, as atenções também se voltam para as eleições presidenciais do país norte-americano. No Brasil, a inflação apresenta tendência de alta e a Selic continua no menor patamar da sua história, em 2% ao ano.

Aliado a isso, a Bolsa de Valores está em queda por três meses seguidos. O que faz o brasileiro encontrar dificuldade em fazer o dinheiro render e até protegê-lo das alta dos preços.

Renda variável é o ideal para investimentos em novembro

A planejadora financeira e professora de Finanças e Coordenadora de MBAs na FGV, Myriam Lund, lembra que quando maior o risco, maior a possibilidade de ganhos. Em um cenário de taxa de juros baixo, a renda variável se destaca como o tipo de investimento que tem a possibilidade de trazer bons retornos para quem busca rentabilidade.

“Outro ponto que a torna cada vez mais atrativa é que você pode operar em qualquer prazo. Existem estratégias em renda variável para operar em apenas um dia, como o day trade”, destaca Myriam Lund.

A especialista, no entanto, alerta que antes de iniciar investimentos para novembro, e antes de escolher qualquer investimento, é necessário saber qual o seu perfil de risco. Assim, segundo ela, você escolhe ativos que fazem sentido com os seus objetivos.

O perfil é definido de acordo com sua tolerância ao risco. Existem 3 tipos de investidor:

  • Conservador
  • Moderado
  • Agressivo

“A renda variável é um tipo de investimento que apresenta alto risco em troca de alta possibilidade de rentabilidade. Portanto, ela é indicada para o investidor com perfil suitability agressivo”, explica a planejadora financeira.

Onde investir?

investimentos para novembro
Myriam Lund, planejadora financeira e professora de Finanças e Coordenadora de MBAs na FGV

Confira duas opções de investimentos para novembro da professora da FGV, Myriam Lund:

1 – Ações

Esse é o investimento mais conhecido quando se trata de renda variável. As ações são papeis que representam uma parte do valor das empresas de capital aberto que estão listadas na Bolsa de Valores.

Ou seja, é que como se fosse um pedaço da companhia. Ao comprar uma ação, o investidor se torna sócio da empresa.

Uma empresa abre o seu capital quando quer expandir os negócios e precisa de recursos. E uma boa alternativa para isso é justamente se tornando uma companhia de capital aberto. Assim, elas ofertam suas ações no mercado e qualquer investidor cadastrado na B3, a Bolsa de Valores brasileira, conseguirá comprar esses papeis.

2 – FIIs

Os Fundos Imobiliários, ou FIIs, é uma maneira de investir no mercado imobiliário sem precisar comprar um imóvel físico. Quem irá alocar o dinheiro no mercado é o gestor do fundo, um profissional capacitado para fazer as melhores escolhas com os recursos disponíveis.

Os FIIs são o jeito mais simples, prático e rentável e investir em imóveis. Afinal, você tem os benefícios de investir nesse mercado, porém sem as desvantagens de um imóvel físico, como taxas, alto investimento inicial, baixa liquidez, manutenção, burocracia para encontrar inquilinos etc.

O funcionamento é semelhante a de outros tipos de fundos: ao investir, você adquire pequenos pedaços desse fundo, que são chamados de cotas. Com o valor das cotas de todos os investidores, o gestor aloca os recursos nos ativos em que acredita na valorização.

Nesse caso, os ativos são títulos imobiliários e imóveis, como shoppings, galpões logísticos, lajes corporativas, hospitais e outros negócios do mercado imobiliário.

Dicas para começar a investir

Myriam Lund afirma que um investidor de sucesso deve estabelecer metas. Portanto, na hora de escolher os investimentos para novembro, coloque no papel o que você quer alcançar.

Outra dica da especialista é acompanhar seu investimento. “Além de investir, você precisa acompanhar tudo o que acontece com o dinheiro que foi depositado em sua aplicação, principalmente, quando você escolhe o método de renda variável”, diz a professora da FGV.

Ficou interessado nas opções de investimentos para novembro. Veja como começa a investir na Bolsa de Valores aqui!

The post Quais os melhores investimentos para novembro? Confira dicas! appeared first on Financeone.

Cresta Help Chat
Send via WhatsApp